menu

Image Map

16 fevereiro 2016

A HISTÓRIA DO SCARPIN

E ai meus amores, tudo bem com vocês?

O post de hoje é em especial para todas as mulheres que são shoeholics, ou seja, apaixonadas por sapatos! Eu amo sapatos, pareço uma centopeia. Quanto mais  tenho, mais quero.



Existem inúmeros modelos de sapatos femininos, opções não faltam para nos agradar. Mas vou falar de um modelo em especial, que agrada a maioria das mulheres.  Toda mulher deveria ter pelo menos um par deles em seu guarda-roupa. Eles são clássicos e bonitos... Estou falando dos famosos e queridinhos scarpins. São sapatos que deixam as mulheres elegantes,  femininas. Além de ser versátil e democrático. O scarpin combina com vários estilos, das clássicas até as mais fashions e ousadas. Tem modelos e cores para todos os gostos, sem contar que combina em qualquer ocasião. Casamento, formatura, batizado, aniversário e até em um churrasco. Rsrsrs!
Mas e a origem do scarpin, vocês conhecem? Eu amo essa parte da história da moda. Onde  mostra como surgiram as tendências. Mas voltando ao assunto, scarpin vem da palavra italiana scarpino, diminutivo da palavra scarpa, que significa sapato. Em 1947, o calçado que nos amamos foi popularizado por Christian Dior, o modelo fez parte do estilo “New Look” da época, e tinha como objetivo introduzir uma nova moda entre as mulheres no período pós-guerra.
O scarpin não é apenas um sapato de salto alto, com bico fino! Os verdadeiros, consistem em modelos com salto de no mínimo 4 cm, e se o salto for maior que 10 cm, o scarpin passa a ser chamado de “Stiletto”. Seu bico pode ser arredondado, o que chamamos de “sapato boneca”, e também fino e quadrado. Ele deve ser um sapato fechado, que esconda os dedos e o calcanhar, deixando apenas o peito do pé a mostra. Os que possuem o calcanhar de fora já fazem parte de outro modelo, chamado de chanel ou mules.
Agora que você já ficou por dentro da história do scarpin, que tal conferir fotos inspiradoras que eu fiz com meus próprios scarpins para vocês.






































Nenhum comentário: