menu

Image Map

12 agosto 2008

CUIDE DO SEU PESCOÇO!!!

Pescoço: cuide, pois um dia ele se vinga
Ele não revela a idade... aumenta! Por isso reunimos aparelhos de última geração e tratamentos consagrados que vão ajudá-la a tirar manchas, rugas, flacidez e até a papada do pescoço. Mais: os melhores produtos para prevenção, a partir dos 25 anos. Maria Carolina Balro
CARBOXITERAPIA As injeções de gás carbônico não são exclusivas para abdome, braços ou coxas. Segundo a especialista em medicina estética Keila Rachel de Azevedo, do Rio de Janeiro, o tratamento também pode ser feito no pescoço para combater a flacidez da pele ou reduzir a papada. "O gás aumenta a vasodilatação e a oxigenação locais, estimula a produção de colágeno, e, por fim, acelera o metabolismo e a queima de gordura." Para isso, são aplicadas várias injeções na hiparte frontal do pescoço, de uma orelha a outra, com uma agulha fina e pequena que dispensa anestesia. "As picadas não causam dor. O que costuma incomodar é a introdução do gás carbônico no tecido subcutâneo. Além disso, é comum a região ficar avermelhada e um pouco inchada por algumas horas, mas nada que interfira na rotina da paciente", garante a especialista. Em geral, são indicadas dez sessões, duas por semana. Cada uma custa entre 70 e 250 reais.
VITAMINAS
As mais indicadas para o pescoço são as vitaminas A, E e C: a primeira porque estimula a renovação celular; a segunda por ser um poderoso antioxidante; e a terceira porque clareia manchas de sol e induz à formação de colágeno quando aplicada na pele. "Ao ser ingerida, a vitamina C ainda protege contra a radiação ultravioleta e combate os radicais livres", completa a dermatologista Christiana Moron, do Instituto Vita, em São Paulo. Na prática, você pode lançar mão dessas vitaminas tanto para prevenir manchas e flacidez de pele quanto para potencializar o efeito de outros tratamentos. As fórmulas para o pescoço ainda são enriquecidas com substâncias hidratantes, como uréia e nicotinamida, ou antioxidantes, como betacaroteno e silício orgânico. "Os cremes à base de vita minas podem ser usados de forma contínua a partir dos 25 anos. Quanto às cápsulas, apesar de não haver um consenso sobre a dosagem e o tempo de uso, recomendo que sejam interrompidas a cada seis meses, durante 90 dias, para não sobrecarregar rins e fígado".

Nenhum comentário: